Seguro à vista ou parcelado, qual a melhor opção?

Seguro à vista ou parcelado, qual a melhor opção?

Depois de entender todas as coberturas do seguro automóvel e do plano de saúde empresarial, vem a dúvida se é melhor pagar à vista ou parcelado. Tal decisão é importantíssima para manter sua saúde financeira. Pensando nisso, trouxemos três parâmetros para te ajudar a decidir se é melhor pagar o seu seguro ou plano de saúde à vista ou parcelado.

1.   Ter dinheiro guardado

Você que tem uma reserva financeira, seja conta corrente ou poupança pode pagar o seguro automóvel e o plano de saúde empresarial à vista. Mas, seja precavido, a reserva tem que ser maior do que o valor do seguro. A explicação para esta ressalva é que devemos fazer uma poupança ao longo do ano para pagar as despesas de início de ano, caso do seguro, IPVA, IPTU e matrícula, material escolar, entre outros. No caso do plano de saúde empresarial é importante entender a cobertura e se ele irá atender ao que você precisa. Quem tem a conta certa só para pagar o seguro, ficará descoberto para as demais despesas.

    2. Ter dinheiro investido

Para quem tem dinheiro em fundos de investimento como previdência privada ou um CDB nem sempre é vantajoso pagar o seguro automóvel ou plano de saúde empresarial à vista. Isso porque é preciso analisar as taxas cobradas pelas instituições para o resgate. No caso de aplicações a longo prazo como a previdência privada, resgatar o dinheiro antes do tempo acarreta no pagamento de juros e pagamento de imposto de renda em valores mais altos a ponto de o desconto da quitação à vista não valer mais a pena.

   3. Não ter dinheiro reservado

Para quem não tem dinheiro guardado em conta ou em investimentos não há alternativa a não ser pagar o seguro automóvel ou plano de saúde empresarial parcelado. Neste caso, você precisa se atentar ao número de parcelas e juros por atraso de pagamento. É possível parcelar o seguro de automóvel em até 12 vezes. Para ter uma ideia do valor a ser pago mensalmente você pode fazer uma cotação de seguro online. Porém, consulte um corretor de seguros para obter explicações claras sobre as formas de pagamento. Já o plano de saúde não pode ser parcelado, somente as mensalidades em caso de atraso.

Como fazer uma cotação de seguro?

Agora que você já aprendeu quando pagar o seguroà vista ou parcelado, explicaremos o passo a passo de como fazer cotação de seguro:

  • Comece pela internet: a cotação de seguro online é onde você tem uma noção de quanto irá pagar. Todas as corretoras de seguro têm formulários para fazer uma simulação de contratação de seguro. Ao realizar uma cotação online para um seguro de automóvel, por exemplo, você insere o endereço, marca, modelo e ano de fabricação do veículo, número e idade dos motoristas, se fica estacionado em garagens ou na rua, entre outras questões;
  • Investigue a idoneidade da seguradora: para atuar, uma seguradora tem que ser cadastrada na SUSEP (Superintendência de Seguros Privados). Ser autorizada pelo órgão responsável mostra que a corretora de seguradora age dentro da lei, cumprindo prazos e sendo totalmente transparente com os clientes;
  • Faça a cotação com antecedência: tudo feito em cima da hora é mais caro. Por isso, faça sua cotação de seguro online com antecedência para ter tempo de pesquisar e comparar com um corretor de seguros as coberturas, preços e condições de pagamento.